O filme “Deadpool” continua batendo recordes e conquistando mais espaço na mídia. Dessa vez, o assunto trata de uma briga pela patente da tecnologia chamada de MOVA, utilizada no filme de Ryan Reynolds e também em outros filmes como “O Curioso Caso de Benjamin Button” e “Os Vingadores: A Era de Ultron” e também no jogo para PC e Xbox One “The Rise of the Tomb Raider”.

O recurso em questão mapeia cada ponto do rosto humano e o substitui por animações gráficas. Dessa forma, o uso de maquiagens torna-se menor e cenas das transformações como a do gigante verde Hulk ficam ainda mais realistas.

publicidade

A disputa para saber quem é a verdadeira dona da MOVA envolve as empresas Rearden, dos Estados Unidos, e Shenzhenshi Haitiecheng Science and Technology Company, da China. Ambas clamam direitos pela tecnologia e brigam judicialmente. A companhia chinesa inclusive já processou a norte-americana em fevereiro.

Já a Rearden solicitou que um juiz dos Estados Unidos concedesse reparação de danos financeiros a empresa e bloqueasse produções cinematográficas que utilizam ou violam as patentes da MOVA. Essa ação, no entanto, é encarada por advogados como uma possibilidade remota.

Reprodução

Via The New York Times