EnglishPortugueseSpanish
publicidade

De acordo com as previsões de analistas de mercado, a Apple em breve pode ter um anúncio importante a fazer. Segundo estimativas da CNN Money, a empresa deve ter vendido o seu bilionésimo iPhone nesta segunda-feira, 25 de julho.

Entre o lançamento do primeiro iPhone em 29 de junho de 2007 e o final de março de 2016, a Apple vendeu um total de 948 milhões de iPhones, segundo seus próprios resultados financeiros divulgados trimestralmente. Segundo previsões dos analistas da FactSet, outros 40 milhões de dispositivos devem ter sido vendidos ao longo do segundo trimestre de 2016, totalizando 988 milhões até o fim de junho.

publicidade

A previsão dos analistas era de que a empresa vendesse, no terceiro trimestre, 43 milhões de iPhones – ou 500 mil por dia. Se essa previsão estiver correta, o iPhone de número 1.000.000.000 foi vendido nesta segunda-feira. A empresa deve anunciar os seus resultados financeiros do segundo trimestre na próxima terça-feira, 2 de agosto; na ocasião, é possível que informações oficiais sejam dadas sobre o assunto.

Produto de sucesso

Mesmo que essa marca ainda não tenha sido atingida, no entanto, o iPhone continua sendo um dos produtos de tecnologia de maior sucesso da história. Apenas no ano passado, o smartphone por si só foi responsável por trazer US$ 155 milhões em receita para a Apple. 

Embora tenha sido lançado há 9 anos, o iPhone aumentou seu ritmo de vendas significativamente nos anos recentes. Dos quase um bilhão de aparelhos vendidos, cerca de metade deles foi comercializada nos últimos dois anos. Caso o produto mantenha seu ritmo atual de vendas, o iPhone de número 2 bilhões deverá ser vendido em abril de 2020.

publicidade

A Apple também produz o tablet mais vendido do mundo (o iPad) e o player de mp3 mais vendido do mundo (o iPod), além de uma das linhas de computadores de maior vendagem do mercado (os Macs). Em novembro de 2014, a empresa anunciou ter vendido 1 bilhão de dispositivos iOS (que inclui iPods, iPads e iPhones), e em janeiro de 2016 anunciou que tinha mais de 1 bilhão de dispositivos iOS em uso. Ainda assim, o iPhone vendeu mais do que todos os iPads, iPods e Macs combinados.