EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Depois que o game mobile Pokémon Go ficou temporariamente sem funcionar durante praticamente toda a quarta-feira, 10, nas conexões móveis de smartphones da operadora Claro, diversos internautas chegaram a questionar se a empresa estaria boicotando o jogo de forma proposital. Depois de o jogo voltar a funcionar, a companhia resolveu quebrar o silêncio e finalmente se posicionar sobre o assunto.

Em nota, a Claro explica que o motivo do jogo não ter funcionado durante o dia de ontem deve-se ao fato de que a Niantic, produtora do game, realizou uma atualização no jogo que impossibilitou temporariamente o acesso dos clientes da empresa ao título.

publicidade

Já sobre as acusações de alguns internautas que afirmaram que a operadora teria boicotado o jogo de forma proposital., a operadora afirma que “não implementou qualquer restrição de acesso ao jogo aos seus clientes.

Apesar de ter se posicionado em relação ao assunto, a Claro não deu detalhes sobre o que realmente aconteceu e nem disse o motivo do problema ter afetado somente os clientes da operadora. A companhia também não revelou quais foram os processos realizados para a resolução do problema.