EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Três companhias aéreas australianas proibiram os passageiros de utilizar ou carregar o Samsung Galaxy Note 7 smartphones durante os voos devido a preocupações de a bateria pegar fogo e explodir.

A empresas Virgin Australia, Qantas e Jetstar informaram os passageiros durante as informações de segurança. Embora os clientes possam levar os aparelhos nos voos, a proibição se estende até a conexão do smartphone ao sistema de entretenimento de voo via USB.

publicidade

Essas não são as primeiras empresas a considerarem o Galaxy Note 7 um risco para os aviões. A FAA, órgão que controla a aviação nos Estados Unidos, também está considerando proibir o dispositivo em voos.

Via The Next Web