Pro

Apple impede que hackers possam piratear macOS Sierra

26/09/16 13h36, atualizada em 26/09/16 13h40

O macOS Sierra é uma das grandes atualizações do sistema operacional da Apple para os seus computadores, e a empresa trouxe um sistema de segurança que dificulta o trabalho de quem prefere usar um sistema pirata.

Normalmente, para usar um sistema pirata é necessário inserir um número de série falso para liberar o software. No entanto, quem tentar fazer isso no macOS Sierra irá se deparar com um relatório de erro informando que a chave é inválida e o programa não pode ser carregado.

A grande questão é que os desenvolvedores dos keygens utilizam o aplicativo de open souce UPX para empacotar os códigos falsos, mas depois apagam qualquer menção do aplicativo para cobrir os rastros da pirataria. Mas, ao fazer isso, alguns marcadores dos dados compactados são apagados e isso confunde o sistema operacional da Apple, que acaba levando para uma mensagem de erro.

Usuários do The Pirate Bay relataram que o problema já está se tornando genérico e não somente para os sistemas com língua inglesa, como sugeriram alguns rumores. Mas os hackers, obviamente, já estão em busca de uma solução, tanto que os desenvolvedores do UPX pretendem lançar uma nova versão do programa para contornar essa barreira.

Via Torrent Freak

Deixe sua opinião
Sugeridos pra você
Tags