EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Cada vez mais interessada em conteúdo original em detrimento de obras licenciadas, a Netflix parece ter optado nos últimos anos pela filosofia de que “menos é mais”. De acordo com dados levantados pelo site Exstreamist, o catálogo do serviço de streaming diminuiu mais de 50% nos últimos anos.

Segundo ex-funcionários da empresa e dados coletados de maneira independente pelo site, o catálogo da Netflix tinha cerca de 11 mil títulos em 2012, ano em que atingiu seu maior número de filmes, séries e programas disponíveis para streaming. Hoje, o serviço conta com cerca de 5,3 mil títulos só nos Estados Unidos.

publicidade

Em 2013, um ano após o catálogo do serviço atingir seu maior número de títulos, a Netflix começou a produzir conteúdo original. De lá para cá, a quantidade de filmes e séries produzidos ou distribuídos pela própria Netflix – como House of Cards, Orange is the New Black, Jessica Jones e tantos outros – só aumentou.

Recentemente, a empresa admitiu que planeja compor pelo menos 50% de seu catálogo com produções originais. Além disso, a Netflix também tem apostado em acordos de exclusividade para ter filmes e séries que nenhuma outra concorrente tem – ou, pelo menos, conseguir com maior antecedência. Tudo isso, inevitavelmente, pode ter contribuído para a redução no número de títulos.

Via Business Insider

publicidade