EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Pesquisadores da Coreia do Sul encontraram um novo método de geração de energia para as casas. Eles desenvolveram uma tinta termoelétrica capaz de transformar o calor das paredes em eletricidade.

De acordo com o estudo, publicado nesta semana, a pintura se destaca em relação aos outros materiais termoelétricos, já que reduz as perdas de calor, algo comum no segmento pela falta de maleabilidade. A tinta contém telureto de bismuto, substância utilizada nesse tipo de material, além de outros componentes que ajudam as partículas a permanecerem juntas.

publicidade

Segundo os pesquisadores, em testes, o material se provou mais eficiente do que qualquer outro termoelétrico. A tinta pode se tornar bastante útil nos meses de verão e em países quentes, onde as temperaturas das paredes e telhados podem chegar aos 50°C.

A ideia é usá-la também em carros e navios, além de procurar uma maneira de tornar a sua produção mais barata.

Via Seeker

publicidade