EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O projeto de smartphone modular do Google pode ter despertado o interesse de muita gente, mas a gigante de buscas acabou desistindo do produto antes de ele ser lançado e praticamente arquivou o dispositivo.

A Motorola, que trabalhou no projeto Ara enquanto ainda era propriedade do Google, tem suas apostas sobre a razão para o insucesso. “Eles não pensaram no consumidor. A ideia era baseada na tecnologia, no que ela era capaz de fazer, mas não no que o cliente deseja. Eles queriam fazer coisas como mudar as especificações, mas isso não muda realmente a experiência do consumidor”, afirma Stephen McDonell, gerente da Motorola.

publicidade

McDonell diz ainda que o conceito de um smartphone modular é mais emocionante para os desenvolvedores do que para os consumidores, que preferem a praticidade de trocar os módulos sem dificuldades. “As pessoas não querem deixar os módulos o tempo todo, só quando elas usam. Por exemplo, quem vai a um jogo usa um módulo Hasselblad por duas horas, tira algumas fotos e, em seguida, retira-o”, aponta.

Via Ubergizmo