EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Depois de atacar o novo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), expondo dados pessoais e derrubando o site do parlamentar, o grupo de ativistas Anonymous resolveu continuar sua série de ações contra alvos políticos. Desta vez, os hackers conseguiram tirar o site do partido Democratas do ar.

Em postagem na principal página de Facebook do grupo, os hackers se vangloriam do feito. Ao que as publicações dão a entender, o motivo do ataque teria sido a eleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) ao cargo de presidente da Câmara dos Deputados nesta semana. Maia é alvo de inquérito na Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

publicidade

Até o momento desta publicação, o partido não se manifestou sobre o ataque, que faz parte da Operação Tango Down, como está sendo chamada a série de ataques contra políticos e partidos. 

Reprodução

publicidade