EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Quase todos os fabricantes de consoles lançaram dispositivos portáteis em algum momento. Por exemplo, o Gear Gear, da Sega, o PlayStation Portable e o PlayStation Vita, da Sony, e o Game Boy, o DS e o 3DS, da Nintendo.

No entanto, uma empresa que preferiu não criar um dispositivo portátil foi a Microsoft, e o chefe da divisão do Xbox, Phil Spencer, explicou o motivo.

publicidade

Ao ser questionado por um gamer no Twitter, Spencer respondeu que a empresa acreditava que “os telefones tomariam quase todo o mercado de jogos móveis”. Basicamente, a Microsoft entende que lançar console portátil não faz sentido em um mercado que os smartphones dominaram.

Via Übergizmo

publicidade