EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Após um severo corte de funcionários em uma fábrica em Chicago e rumores de que um de seus principais lançamentos do ano seria cancelado, a Motorola anunciou nesta segunda-feira, 26, uma mudança importante de comando.

Aymar de Lencquesaing deixou a presidência global da marca, oficialmente por motivos pessoais, e agora o novo comandante é um brasileiro. Sergio Buniac, que está na empresa há 20 anos e já foi gerente geral da Motorola no Brasil entre 2007 e 2011, assumiu o cargo.

publicidade

Desde 2012 ele atua como presidente da Motorola para a América Latina. Sob o seu comando, a marca cresceu 68% entre o terceiro trimestre de 2016 e o de 2017 neste canto do continente. O mercado de smartphones como um todo cresceu só 10% no mesmo período na região.

Em janeiro, Buniac também passou a acumular a função de presidente da marca para a Europa. Agora o brasileiro assume a liderança da empresa globalmente, respondendo apenas para Yang Yuanqing, CEO da Lenovo, empresa chinesa que é donda da Motorola desde 2014.