Vídeos

Microled: a nova tecnologia de tela que promete desbancar o OLED

13/04/18 19h59, atualizada em 14/04/18 22h00
O vídeo está sendo carregado - aguarde...

Hoje em dia, quando as fabricantes querem dar aos seus celulares a melhor tela possível, elas usam a tecnologia OLED. O iphone x, da apple, e o galaxy s9, da samsung, usam essa tecnologia para mostrar imagens aos seus usuários. Mas daqui a alguns anos, esse tipo de display pode acabar sendo passado para trás por uma nova tecnologia: o microLED.

Os dois tipos de tela têm LED no nome. “LED” é uma sigla em inglês que significa diodo emissor de luz. Os LEDs são um avanço em relação à tecnologia LCD, porque cada LED é capaz de emitir sua própria luz. Isso faz com que ele seja mais econômico em termos de energia e ofereça taxas de contraste melhores. Mas entre o OLED e o microLED, há diferenças importantes.

As vantagens não páram por aí. Essa nova técnica de produção de imagens também pode economizar a bateria do seu celular. E quando chegar o momento em que as telas de dispositivos móveis tiverem resoluções ainda maiores, o microLED será a tecnologia mais indicada.

Mas essa tecnologia ainda deve demorar algum tempo para chegar ao mercado. Isso porque ela não é nada fácil de se produzir. Considerando que uma tela Full HD tem cerca de dois milhões de pixels, e que cada pixel dos painéis microLED tem três sub-pixels, é necessário produzir individualmente mais de seis milhões de microLEDs para fazer uma única tela. E essa dificuldade toda aparece no preço:

Deixe sua opinião
Tags