EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Quando o assunto é monitor, cada um tem uma preferência. Alguns preferem comprar a opção com a resolução máxima; outros, preferem apostar no modelo com maior taxa de atualização, especialmente para games. A Asus começou a vender uma opção para quem não quer escolher, optando por um painel 4K com taxa de atualização de 144Hz e suporte a HDR e G-Sync.

A empresa se junta à rival Acer como as duas únicas empresas a oferecer uma opção com especificações de alto nível. O modelo é o PG27UQ, que conta com um painel LCD IPS de 27 polegadas, e, segundo a Asus, é o primeiro monitor com certificação DisplayHDR 1000; no entanto, o Predator X27 da Acer também alcança um brilho de 1.000 nits.

publicidade

De qualquer forma, o monitor ainda é um monstro em especificações, de forma que pouquíssimas pessoas têm computadores capazes de alcançar a capacidade máxima do painel, até porque o HDR em PCs ainda não é exatamente um recurso muito difundido. No entanto, pode ser interessante para early-adopters, que gostam de ter sempre a última tecnologia disponível, pode ser uma opção interessante. Pode ser especialmente útil para profissionais que realmente dependam de um bom monitor para fazer seu trabalho, como ilustradores e animadores, por exemplo.

Só não espere que esse brinquedo sairá barato. A Asus anunciou que o PG27UQ terá o preço sugerido de US$ 2.000 nos EUA, o que é absurdamente caro para os padrões do país, que também é o preço cobrado pela Acer pelo Predator X27. Ele chega ao mercado em junho, cerca de 18 meses após seu anúncio. Ainda não há previsão de quando ou se esses monitores chegarão ao Brasil.