EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O Google anunciou nesta quarta-feira, 29, uma grande atualização do Wear OS, seu sistema operacional destinado a relógios inteligentes, anteriormente chamado de Android Wear. O update muda tudo na interface e na usabilidade do sistema.

Deslizar o dedo sobre a tela de um relógio com Wear OS agora realiza ações diferentes. Além disso, o acesso às notificações de apps mudou, assim como a função de trocar de “capas” (watch faces) para a tela principal do relógio em relação à versão atual.

publicidade

Com a versão 1.6 do Wear OS, que será disponibilizada nas próximas semanas, a nova lista de comandos, a partir da tela inicial do sistema, passa a ser assim:

  • Deslizar para a direita: feed do Google Assistente;
  • Deslizar para a esquerda: Google Fit, app de monitoramento de atividade física;
  • Deslizar para cima: notificações;
  • Deslizar para baixo: atalhos das configurações rápidas;
  • Tocar e segurar na tela principal: trocar visual do relógio;
  • Toque rápido no botão principal: ver todos os apps;
  • Tocar e segurar o botão principal: convocar o Google Assistente.

 

 

publicidade

As mudanças no Wear OS e no aplicativo Google Fit esquentam rumores de que o Google está se preparando para lançar seu próprio relógio inteligente em outubro, no evento em que a empresa deve apresentar também a terceira geração do smartphone Pixel.