EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Na última quarta-feira (23/1), foi anunciado que o Facebook teria retirado o selo de verificação dos perfis do (atual?) presidente venezuelano, Nicolas Maduro, tanto do Instagram, quando do próprio Facebook. Atualmente, ele está em uma disputa pelo cargo em questão com Juan Guaidó, presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, que conta com apoio dos Estados Unidos, Brasil e outros governos que o reconhecem como presidente interino.  

No entanto, o Facebook se manifestou nesta quinta-feira (24/1), afirmando que não retirou o tal selo, porque os perfis de Maduro em ambas as redes sociais (Instagram e Facebook) não eram verificados.

publicidade

No entanto, em relação a Guaidó, a empresa afirma que os selos de seus perfis em ambas as plataformas foram verificados recentemente. No Instagram, isso foi feito em novembro de 2018. Já no Facebook, o processo foi executado entre dezembro e janeiro deste ano – a empresa não especificou qual o mês exato.

Confira abaixo o posicionamento oficial do Facebook a respeito do assunto:

“Queremos ter certeza que as pessoas saibam que estão seguindo a presença autêntica de uma figura pública, celebridade ou marca no Instagram e no Facebook. Selos de verificação são usados para confirmar que uma conta ou página é autêntica. Nicolás Maduro não era verificado no Instagram ou no Facebook e não retiramos o selo de suas contas. Juan Guaidó foi verificado no Instagram em novembro de 2018 e no Facebook mais recentemente.”

-> WhatsApp: dicas, histórias e tudo o que você precisa saber
-> Facebook: confira a história e dicas para usar a rede social com segurança
-> Messenger: confira os principais recursos e dicas para usar o aplicativo

publicidade