EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O Google apresentou uma série de mudanças nos últimos tempos em relação ao Chrome e, depois de rever algumas das propostas para o navegador, agora foi a vez da empresa se manifestar através do engenheiro responsável pelo projeto Chrome.

Alguns desenvolvedores questionam as mudanças no navegador, dizendo que elas estão impedindo os famosos bloqueadores de anúncio (os adblockers) de funcionar. Essas alterações fazem parte do Manifesto 3, e envolvem o enfraquecimento de uma API que os desenvolvedores usam para bloquear conteúdo em favor de uma outra API que é mais limitada. Falamos sobre a questão no início desta semana.

publicidade

Agora, o engenheiro do Chrome, Devlin Cronin, declarou que a intenção nunca foi impedir que estes bloqueadores funcionassem, como havia sido polemizado pela comunidade de desenvolvedores: “Não é e nem nunca foi nossa meta impedir ou interromper o bloqueio de conteúdo. Estamos comprometidos em preservar esse ecossistema e garantir que os usuários continuem personalizando o navegador Google Chrome para atender às necessidades deles. Isso inclui continuar a oferecer suporte a extensões, incluindo bloqueadores de conteúdo, ferramentas de desenvolvedor, recursos de acessibilidade e muitos outros.”

Com isso, o Google volta atrás em relação a algumas das mudanças no Manifesto 3 e garante que as extensões irão continuar funcionando enquanto a plataforma continua sendo otimizada para proteção do usuário.

Via: The Verge

publicidade