EnglishPortugueseSpanish

Sonda a caminho da Lua

Redação 22 de fevereiro de 2019
publicidade

A Space X levou ao espaço novamente o seu foguete Falcon 9. Como de costume, todos os detalhes chamaram a atenção no lançamento. As imagens impressionantes da decolagem do foguete, a incrível velocidade de mais de 30 mil quilômetros por hora, atingida já na órbita do planeta e a carga…

O foguete levou para o espaço um satélite batizado de Nusantara Satu. Ele foi devidamente colocado em órbita cerca de 40 minutos depois do foguete sair de sua base, no Cabo Canaveral, na Flórida. Mas, o Falcon 9 tinha outra carga, ainda mais interessante: um módulo que pretende chegar até a lua.

publicidade

A história desse módulo é mais que interessante. Tudo começou com um grupo de voluntários em Israel, que resolveu se dedicar a criar um módulo capaz de pousar na lua e coletar material para estudos científicos. Eles participaram de uma competição criada pelo Google anos atrás. O resultado do esforço foi o módulo Beresheet. Na noite de ontem, a cápsula pegou uma carona na Falcon 9. O foguete não vai levar a sonda até a lua: vai deixa-la a cerca de 60 mil quilômetros de lá. A partir daí, a Beresheet terá que ser virar sozinha para pousar na Lua. Os cientistas esperam que isso aconteça no próxima dia 11 de Abril. E se a missão for mesmo um sucesso, será a primeira vez que um objeto criado e financiado pela iniciativa privada pousará na Lua. Até hoje, só astronautas e sondas criadas pelos governos de países como os Estados Unidos, Rússia e China realizaram a proeza.