EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Uma reportagem do The Wall Street Journal deste final de semana traz uma acusação pesada contra o Google. Uma empresa de mídia digital chamada Genius diz ter evidências “irrefutáveis” de que a gigante de buscas está copiando suas letras de música para uso nos resultados de busca.

Se você acessar a Pesquisa do Google e procurar uma de suas músicas favoritas, provavelmente verá uma caixa ao lado dos resultados gerais de pesquisa que mostram as letras da música pesquisada. No entanto, a Genius acusa o Google de copiar diretamente letras de seu site. A prática teria sido descoberta a partir do uso de um sistema inteligente de detecção de cópias. 

publicidade

A Genius fez uma alteração em seu site em 2016, quando começou a “alternar os apóstrofos das letras usando aspas simples e curvas em pontos específicos de cada letra de música”. Isso efetivamente funciona como uma marca d’água contra cópias. Com isso, aparentemente, a Genius encontrou mais de 100 casos diferentes de cópia exata de letras.

O Google foi notificado várias vezes nos últimos dois anos pela Genius sobre as letras das músicas “roubadas”. A empresa explicou que as letras foram licenciadas por parceiros e, depois que a reportagem foi publicada, a Big G divulgou um comunicado dizendo que iria investigar a questão e rescindir acordos com qualquer um desses parceiros que “não mantêm boas práticas.”

O Google não é diretamente culpado neste caso, mas os avisos anteriores da Genius deveriam ter acendido um alerta na empresa, que poderia ter começado a investigar a questão bem antes disso tomar as proporções atuais.

Via: 9to5Google

publicidade