EnglishPortugueseSpanish

A Fundação Raspberry Pi anunciou a quarta versão do seu pequeno computador. O Raspberry Pi 4 mantém o formato diminuto e preço inicial de US$35 (aproximadamente R$134) de seu predecessor, mas melhorou algumas de suas especificações.

O novo dispositivo possui até 4GB de RAM, CPU e GPU mais rápidos, Ethernet mais eficiente, Wi-Fi de banda dupla, duas saídas HDMI e duas portas USB 3.0, além de outras duas USB padrão. Essas atualizações de hardware significam que o Raspberry Pi 4 pode ser usado como um substituto mais econômico para computadores de mesa caso o usuário opte pela versão mais cara (a de 4GB de RAM).

publicidade

Foi observado que o hardware pode lidar com muitas tarefas simples do cotidiano, como a navegação na Web com até 15 guias abertas de um navegador com suporte ao Chromium, edição de imagens usando o GIMP e trabalho de documentos e planilhas usando o Libre Office.

Mesmo com todas as funcionalidades, ele ainda possui algumas limitações. O dispositivo luta para reproduzir vídeos em tela cheia do YouTube, por exemplo, mesmo que o usuário diminua a sua resolução para 480p. Esse problema parece bastante sério, já que, supostamente, o aparelho pode alimentar dois monitores 4K rodando a 30fps cada, ou um monitor de 4K rodando a 60fps, juntamente com uma segunda tela que suportaria até 1080p.

O Rapsberry Pi 4 está disponível em versões de 1GB, 2GB e 4GB de RAM, ao preço de US$35, US$45 e US$ 55 respectivamente (aproximadamente R$134, R$172 e R$210). Todas eles possuem uma CPU de 1,5GHz de núcleo quádruplo, Bluetooth 5.0 e suporte à leitura de cartões microSD. A compra pode ser feita por meio do site oficial da fundação, mas, pelo menos até o momento, eles não estão enviando o produto para o Brasil.

Via: The Verge

publicidade