EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O Google está começando a lançar um recurso que permite que os usuários deletem automaticamente seus históricos de localização e de atividades no telefone. Anunciada em maio, a ferramenta surge após uma campanha da empresa a favor da privacidade dos consumidores e do controle que possuem sobre os dados que compartilham com terceiros. A pauta também foi levantada pela Apple, durante a realização da sua conferência para desenvolvedores, a WWDC.

Muitas empresas são criticadas por ter recursos de privacidade muito dependentes da configuração ativa dos usuários. Na própria gigante das buscas, os rastros de localização e o histórico de atividades nos aplicativos e navegadores permanecem armazenados até que o usuário resolva apagá-los  dados manualmente. Segundo a companhia, isso acontece para melhorar a experiência de uso, a segmentação de anúncios e as personalizações nas buscas.

publicidade

via GIPHY

Com a nova ferramenta, o Google procura lançar uma nova tendência. O usuário já pode definir suas preferências de rastreamento para que os dados sejam deletados em intervalos de três ou dezoito meses. E o melhor de tudo é que quaisquer dados com mais de 18 meses de vida serão excluídos automaticamente. Ou seja, mesmo que você esqueça de configurar o novo recurso, a companhia vai eliminar as informações guardadas em seu nome ativamente.

A novidade está disponível para Android e iOS e deve surgir em todos os aparelhos durante as próximas semanas.

publicidade

Fonte: The Verge