EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Essential, fabricante de smartphones fundada por Andy Rubin, o ‘pai’ do Android, confirmou que está realizando ‘testes iniciais’ de um novo aparelho. Em declaração ao site XDA-Developers, um porta-voz da empresa disse:

‘Anteriormente compartilhamos o fato de que a eequipe da Essential está trabalhando em um novo aparelho. Ele agora está em testes iniciais, e estamos ansiosos para poder compartilhar mais detalhes no futuro‘.

publicidade

Segundo o site, ao corrigir uma falha no Essential Phone (seu primeiro produto) os desenvolvedores da empresa deixaram escapar uma menção a um aparelho de codinome ‘gem‘, que estaria rodando uma versão Open Source do Google Mobile Services chamada ‘microg‘.

Isso é estranho, pois aparelhos Android lançados no Ocidente invariavelmente vem com os serviços do Google pré-instalados, e não teriam necessidade de uma ‘alternativa’ Open Source, que ainda é menos completa.

O Essential Phone (também conhecido como PH-1) foi lançado em Agosto de 2017 e é baseado em um processador Qualcomm Snapdragon 835 acompanhado por 4 GB de RAM e 128 GB de memória interna.

Ele foi o primeiro smartphone no mercado com um ‘notch’ na tela (antes do iPhone X), e se destaca pelo excelente suporte de software que vem recebendo do fabricante: lançado com o Android 7.1, ele recebeu atualizações para o 8 (Oreo), 9 (Pie) e foi um dos primeiros a receber acesso a betas do Android 10.

publicidade

Fonte: XDA Developers