Segurança e Privacidade

Brasileiro cria algoritmo que identifica armas de fogo

10/10/19 22h24, atualizada em 10/10/19 23h10
O vídeo está sendo carregado - aguarde...

Melhorar a segurança pública é a proposta do algoritmo AllSeenEye, que busca reconhecer armas de fogo por meio de câmeras de segurança, emitindo alertas para autoridades e civis sobre o local e o tipo de arma. O algoritmo foi criado pela startup norte-americana Aiquimist, com sede em Nova York, e desenvolvido pelo programador brasileiro Nicholas Guimarães, de 22 anos.

Um exemplo da aplicação da tecnologia seria em casos de ataques transmitidos ao vivo pela internet, como ocorreu na Nova Zelândia em março deste ano. A transmissão seria interrompida imediatamente e alertas seriam emitidos nas redes para pessoas nas proximidades do ataque.

A tecnologia de segurança pública poderá ser usada por governos, escolas, aeroportos, trânsito e em estações de trem e metrô. Porém, a Aiquimist não descarta uso do algoritmo em empresas privadas como bancos, estádios e shoppings.

Deixe sua opinião
Tags