EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Além do XPS 13, a Dell aproveitou o primeiro dia útil do ano para aproveitar outros notebooks, destinado a um público diferente: o Latitude 9510, que é praticamente um workstation em formato portátil, com tela de 15,6 polegadas. São duas versões: uma com um formato de laptop convencional, e outra com design conversível 2-em-1, com a tela rotacionando 360 graus.

Uma das características especiais do modelo conversível é a opção de ter um modem 5G no aparelho, marcando uma tendência importante para os próximos anos. As primeiras redes 5G entraram em operação comercial no ano passado e, com a expansão da cobertura, dispositivos com capacidade de se conectar à nova geração de redes móveis em breve serão padrão no mercado.

publicidade

Por dentro, o notebook não faz feio. A Dell implementou processadores Intel da 10ª geração, com 4 ou 6 núcleos, acompanhados de até 16 GB de memória RAM, com até 1 TB de armazenamento em SSD M.2. Em ambos os modelos, no entanto, a tela é limitada à resolução de 1920×1080.

Para sustentar essas configurações está um segundo destaque do laptop: sua bateria. Uma das opções do Latitude 9510 inclui uma bateria enorme de 6 células e capacidade de 88 Wh que promete até 30 horas de uso, o que permitiria deixar o notebook ligado por mais de um dia inteiro antes de se preocupar em colocá-lo na tomada novamente.

publicidade

No aspecto de conectividade sem fio, a Dell decidiu não limitar as capacidades de seus notebooks. Eles contam com Wi-Fi 6 e Bluetooth 5, que são os padrões mais recentes de ambas as tecnologias. Também não faltam portas físicas: são dois conectores USB-C/Thunderbolt 3, que também podem ser usadas para carregamento, contando também com uma porta USB-A 3.1, um leitor para cartão microSD e saída HDMI.

Por serem voltados para corporações e órgãos governamentais, os notebooks Latitude costumam apostar pesado em recursos de segurança, e os novos não são diferentes. Além de ter uma webcam equipada com infravermelho para reconhecimento facial, os aparelhos contam com um leitor de impressão digital, além de criptografia de disco.

A Dell começará a vender os novos Latitude em março, mas os preços ainda não estão definidos.