EnglishPortugueseSpanish

O Nubank anunciou nesta segunda-feira (20) que a empresa atingiu a marca de 20 milhões de clientes, incluindo tanto o cartão de crédito sem anuidade, quanto a NuConta. A companhia também oferece empréstimos e o programa de pontos Rewards. Agora, o Nubank prepara sua expansão internacional na América Latina, enquanto disputa espaço com C6 Bank, Neon, Banco Inter e outras fintechs.

O Nubank nota que, caso fosse um país, seus 20 milhões de “habitantes” o fariam maior que Chile, Uruguai, Portugal e Bolívia. Nas redes sociais, a fintech realiza uma campanha publicitária dizendo que formou uma “Nação Roxa”.

publicidade

Além de divulgar os números, o Nubank também forneceu algumas estatísticas sobre seus clientes: 886 mil deles nasceram nos anos 2000, e vão completar 20 anos ao longo dos próximos meses; a maioria comemora aniversário em março, seguido por maio e julho; o nome mais comum dentre os clientes da empresa é Maria, com 868 mil, seguido de Ana, com 431 mil.

Desde 2019, o Nubank é a 6ª maior instituição financeira do Brasil. A fintech fica atrás apenas de Bradesco, Caixa, Itaú, Banco do Brasil e Santander, de acordo com dados do Banco Central, coletados do Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional (CCS) e do Sistema de Informações de Crédito do Banco Central (SCR).

A base de clientes do Nubank é maior que a de outras fintechs. O Banco Inter, por exemplo, ultrapassou quatro milhões de clientes no final do ano passado, enquanto a Neon Pagamentos tinha quase duas milhões de contas ativas. O C6 Bank, por sua vez, atingiu um milhão de usuários recentemente.

O Nubank recebe 50 mil novos cadastros por dia, uma taxa que tende a aumentar. A empresa prepara sua expansão internacional ao longo de 2020, para oferecer seus serviços financeiros no México e na Argentina.

Também para este ano, está prevista a chegada do N26 ao Brasil. O N26 é um banco digital europeu com 3,5 milhões de clientes no continente, e deve acirrar a concorrência no setor.

Via: Tecnoblog