EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Durante sua presença na CES 2020, a Samsung introduziu alguns aparelhos, e um em específico parece ser muito interessante. A empresa apresentou, nesta segunda-feira (20), o AirDresser, uma cômoda que, além de guardar, também higieniza suas roupas.

O AirDresser promete “reimaginar os cuidados com as roupas”, refrescando e higienizando as peças sem precisar lavá-las. Ele começa usando o que a Samsung chama de Jet Air e Air Hangers, que agitam e sopram o ar nas roupas para soltar a poeira presa nelas. Em seguida, a tecnologia JetSteam remove vírus, bactérias e muito mais.

publicidade

A Samsung diz que o AirDresser pode remover 99% dos gases que causam odor (como suor ou comida), 100% dos ácaros domésticos, 99% de substâncias nocivas, como percloroetileno, e 99,9% dos quatro tipos de vírus (gripe, adenovírus, herpesvírus e vírus corona). Diferentes usos alcançam resultados variados.

O AirDresser também pode secar suas roupas com a Heatpump Drying, que seca as vestimentas a uma temperatura baixa para evitar encolhimento. Uma combinação de ar e vapor também pode desamassar as peças. O aparelho pode até proteger as roupas fora da unidade, desumidificando o ar ao seu redor. Graças a todas essas funções, a Samsung diz que o AirDresser ajudará a manter as roupas com melhor aparência por mais tempo, porque reduz a necessidade de uma lavagem completa.

Reprodução

O dispositivo conta também com um recurso de auto-limpeza. Ele não requer detergentes ou outros produtos, e a cômoda se limpa usando calor, ar e vapor. Ele alertará aos usuários para que saibam quando precisa ser limpo, uma vez a cada 40 ciclos.

publicidade

O aparelho possui um Modo Silencioso, que permite sua execução durante a noite, sem perturbar o sono. Além disso, possui recipientes de água portátil na parte inferior, para que não dependa de um sistema de abastecimento ou drenagem.

O Samsung AirDresser está disponível em vários mercados, como Rússia e Reino Unido, mas ainda não tem um preço especificado pela empresa.

Via: Neowin