EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A SpaceX anunciou no Twitter que adiou o lançamento do novo carregamento de satélites Starlink. O envio estava programado para a manhã desta sexta-feira (24), mas teve de ser adiado devido ao clima desfavorável na área de recuperação do foguete. A empresa estuda realizar a missão na segunda-feira (27).

publicidade

O foguete Falcon 9 levará 60 satélites para se juntar aos 180 satélites que já estão em órbita – este é o quarto lançamento do projeto. Nas próprias palavras da empresa, a iniciativa Starlink visa “implantar o sistema de internet banda larga mais avançada do mundo” para fornecer “conexão rápida e confiável para locais onde o acesso não é confiável”.

publicidade

Várias empresas competem com a SpaceX para o fornecimento de serviços semelhantes, permitindo as velocidades de banda larga mais rápidas do mundo. A empresa planeja lançar lotes de 60 satélites a cada duas, a três semanas, no próximo ano. A ideia é chegar a uma constelação de mais de 40 mil pequenos dispositivos.

O lançamento de segunda-feira (27), caso ocorra, será a segunda decolagem da empresa em menos de duas semanas. Isso porque, no domingo (19), a SpaceX realizou um teste de abortamento da cápsula Crew Dragon, cujo objetivo é levar astronautas à Estação Espacial Internacional (ISS).

O teste de abortamento de voo, que foi bem-sucedido, teve como objetivo avaliar a capacidade da nave espacial de garantir a segurança dos astronautas caso ocorra uma emergência após a decolagem.

Além das missões para envio de satélites Starlink, o próximo grande lançamento da SpaceX ocorrerá em 1º de março, quando um foguete Falcon 9 será enviado em uma missão de entrega de suprimentos à ISS.

Via: Digital Trends