EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Não é raro o Google lançar um serviço em uma versão beta (que tecnicamente seria ainda incompleta, para testes) e mantê-lo neste status por um longo tempo. Talvez o exemplo mais marcante tenha sido o GMail, que foi um beta durante mais de cinco anos.

Mas outros serviços têm mais sorte. Nesta semana quem foi “promovido” foi o Google Dataset Search, que deixou o estágio beta 16 meses após o lançamento. A ferramenta foi criada para compartilhar e buscar informações em “datasets”, grandes conjuntos de dados agrupados em um tema específico, que podem ser usados para pesquisa acadêmica, testar uma hipótese ou mesmo treinar uma inteligência artificial.

publicidade

Segundo o Google, o Dataset Search tem acesso a mais de 25 milhões de datasets publicamente disponíveis, muitos deles originários de órgãos governamentais. Os temas são os mais variados possíveis, de um conjunto com 9 mil imagens de gatos, com características faciais anotadas para treinamento de IA a dados sobre a população dos EUA.

A ferramenta também ganhou uma versão Mobile e novos filtros, que permitem escolher quais tipos de dados você quer ver (como tabelas, imagens ou texto). Além disso, há mais informações sobre os datasets e as organizações que os publicam.

Fonte: TechCrunch

publicidade