EnglishPortugueseSpanish

Carro movido a hidrogênio pode quebrar recorde de velocidade

Redação 27 de janeiro de 2020
publicidade

Os engenheiros responsáveis pelo veículo supersônico British Bloodhound Land Speed Record (LSR) vão apostar na energia de hidrogênio para a próxima tentativa de bater o recorde de velocidade em terra. O veículo também vai abandonar os motores V8 a combustão em favor dos elétricos.

O recorde é de 1.287Km/h e, para ultrapassá-lo, a equipe planeja alimentar o foguete com peróxido de hidrogênio concentrado. O próximo teste vai ocorrer daqui a 18 meses, no segundo semestre de 2021. Até lá, a nova tecnologia pode ser explorada de diversas formas. A ideia é que só água e oxigênio saiam do carro.

publicidade

O Bloodhound foi anunciado há 10 anos para quebrar a marca de velocidade para veículos terrestres. Em 2018, a empresa que apoiava o projeto entrou em processo de falência e a iniciativa foi encerrada. Pouco depois, um empresário inglês comprou os direitos do projeto e o retomou. No primeiro teste após a volta, o veículo atingiu 806Km/h.