EnglishPortugueseSpanish

A Nintendo anunciou que irá deixar de oferecer o serviço de reparos para o Wii em 31 de março deste ano. Segundo o site Engadget, a empresa alega que não tem mais acesso às peças necessárias para manter o serviço funcionando.

Lançado em 2006, o Wii foi um dos grandes sucessos da Nintendo, com mais de 100 milhões de unidades vendidas mundialmente. O console foi sucedido pelo Wii U em 2012 e pelo Switch em 2017, mas só saiu das lojas em 2017, 11 anos após seu lançamento.

publicidade

-> Saiba quais são os 10 consoles mais vendidos da história

Seus distintos controles, os Wiimotes, eram capazes de acompanhar o movimento dos jogadores em frente à tela, levando a novas formas de interação com o jogo. Dependendo da forma como o usuário o segurava, o mesmo controle poderia ser um gamepad, uma arma, um volante ou a varinha de um maestro conduzindo uma orquestra.

A Nintendo tradicionalmente mantém o serviço de reparos para seus consoles por muitos anos após o lançamento. A empresa ofereceu reparos para o Famicom (versão japonesa do NES), lançado em 1983, até 2007, mesmo ano em que encerrou os reparos do Super Famicom (SNES), lançado em 1990.

Fonte: Engadget

publicidade