A Microsoft está voltando atrás em seu plano de forçar o mecanismo de pesquisa padrão do Chrome para o Bing usando o instalador do Office 365. A empresa planejava incluir uma nova extensão para o navegador do Google com o Office 365 ProPlus, usado por empresas, que mudaria o sistema de pesquisa para o Bing. O plano foi anunciado no mês passado e desagradou os administradores de TI.

“Ouvimos dizer que os clientes não querem que o Office 365 ProPlus altere os padrões de pesquisa sem a possibilidade de escolha, e eles precisam de uma maneira de controlar essas alterações em dispositivos não gerenciados”, explicou a empresa em uma nota da equipe do Office 365. Baseado nos comentários, a Microsoft não vai agregar a extensão do Microsoft Search Chrome automaticamente, e os administradores de TI vão poder implantá-lo usando uma opção no centro de administração do Microsoft 365.

publicidade

Reprodução

A Microsoft informa que essas alterações significam que a extensão Microsoft Search no Bing não vai ser lançada nos Estados Unidos, Reino Unido, Austrália, Canadá, França, Alemanha e Índia em fevereiro. “Forneceremos um cronograma atualizado para esse lançamento nas próximas semanas”, concluiu.

Via: The Verge