Ciência e Espaço

Terraplanista morre em queda de foguete feito à mão

24/02/20 13h20, atualizada em 24/02/20 13h53

“Mad Mike” Hughes, teórico da conspiração e terraplanista de 64 anos, morreu no último domingo (23) após cair de seu foguete feito à mão. O acidente aconteceu no deserto de Barstow, na Califórnia, Estados Unidos.

Foi o jornalista Justin Chapman quem gravou o vídeo que mostra Hughes caindo de centenas de metros após sua tentativa falha de provar que a Terra é plana. Ao que parece, o paraquedas, que impediria maiores danos, foi desconectado do conspiracionista ainda na subida do foguete. Confira abaixo:

Essa não foi a primeira vez que Hughes se lançava em um foguete a vapor caseiro com os escritos Flat Earth (Terra Plana, em inglês): anteriormente, o terraplanista já havia alcançado mais de 575 metros de altura a bordo do veículo, mas o objetivo final era atingir mais de 10.600 metros, pico no qual seria possível ver – ou não – a curvatura da Terra.

O conspiracionista não estava sozinho em sua missão, afinal, 130 pessoas contribuíram em uma vaquinha que arrecadou US$ 8.496 (aproximadamente R$ 37.380 na conversão direta das moedas) para a produção do foguete caseiro. Além disso, desta vez, Hughes foi patrocinado pelo Hud, um aplicativo de paquera.

Em entrevista para a revista Vice, o terraplanista já havia reconhecido que seus experimentos eram arriscados. “Quando subo a rampa eu penso: estou subindo para a forca onde vou me enforcar? Isso passa pela sua mente. Eu estava me perguntando se essa seria a última coisa que eu faria”, contou Hughes. “Pouquíssimas pessoas jogam os dados com suas vidas. Eu jogo roleta russa”, completou.

Na mesma entrevista, ele afirmou acreditar que a gravidade não existe, que a Terra é “estacionária” e que não aceitaria a palavra de nenhuma agência governamental sobre o assunto, já que iria ver e provar a teoria com os próprios olhos e a ajuda de algumas câmeras.

Deixe sua opinião
Tags