EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Após o primeiro caso confirmado de coronavírus no Brasil, que foi notificado em São Paulo, subiu para 132 o número de casos suspeitos da doença no país. Os possíveis infectados estão sendo monitorados pelo Ministério da Saúde. Os dados foram informados pelas Secretarias Estaduais de Saúde.

Devido à preocupação de que a epidemia se instale no país, o número deu um salto após a confirmação de um único caso de coronavírus em território brasileiro. A vigilância da rede pública de saúde aumentou a sensibilidade das áreas de risco e incluiu 16 países na lista dos que apresentam transmissão ativa, entre os quais estão Alemanha, Austrália, Emirados Árabes, Filipinas, França, Irã, Itália, Malásia, Japão, Singapura, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Tailândia, Vietnã, Camboja e China.

publicidade

São considerados casos suspeitos as pessoas que apresentam os sintomas da doença após terem passado, nos últimos 14 dias, por alguns dos países citados acima.

Por enquanto, 60 casos suspeitos no Brasil foram descartados, em sua maioria em decorrência do resultado positivo para outros vírus respiratórios. Além dos 132 casos que são, de fato, suspeitos, há 213 que ainda passam por análise.

publicidade

Os dados em relação ao vírus no país estão sendo constante atualizados na Plataforma IVIS, que informa os casos confirmados, suspeitos e descartados em cada estado.

A recomendação do Ministério da Saúde é de que se tenha noções básicas de higiene, como lavar as mãos com água e sabão (ao menos durante 20 segundos), utilizar lenço descartável para limpeza nasal, cobrir as saídas respiratórias com papel higiênico quando for espirrar ou tossir, descartando o papel utilizado no lixo. Evitar tocar olhos, boca e nariz sem que as mãos estejam limpas também é uma medida importante para evitar a epidemia.

Fonte: Ministério da Saúde