EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Um homem de 60 anos é o mais recente caso de coronavírus confirmado no Brasil, o primeiro a ser registrado na região sul do país. O diagnóstico foi divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul. Este é o 31º caso de Covid-19 diagnosticado no Brasil até o momento. 

O paciente apresentou os sintomas após retornar de uma viagem à Itália. O caso foi registrado no município de Campo Bom, Região Metropolitana de Porto Alegre. O homem esteve em Milão entre os dias 16 e 23 de fevereiro, sentindo os sintomas no dia 29.

publicidade

O Ministério da Saúde ainda não confirmou o caso do RS, nem outros cinco no Rio de Janeiro. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o paciente passa bem e seu quadro de saúde é estável. Ele apresentou sintomas leves, como tosse e febre, e buscou uma unidade de atendimento usando máscara. Nenhum familiar apresentou sintomas, e o homem segue em observação.

Em um primeiro momento, as amostras do paciente foram testadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen/RS) para outros vírus, com resultado negativo. A confirmação veio nesta segunda-feira (9), após análise para o novo coronavírus. Ele segue em isolamento domiciliar.

Reprodução

Durante coletiva de imprensa, o governador do estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), afirmou que este “não é um caso contraído, mas que agora está entre nós. Desde o início da verificação, nos preparamos para este momento. Não somos uma ilha. Nossas relações se estabelecem em viagens, em negociações comerciais”.

publicidade

“Sabíamos que esse dia poderia chegar. Não é caso de alarmar a população, estamos com a estrutura preparada”, concluiu o governador. O último boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde confirmou a existência de 86 casos suspeitos no Rio Grande do Sul.

Com mais esta confirmação, o Brasil chega agora a 31 casos de Covid-19 diagnosticados. Até o momento, a região Norte do país é a única que não apresenta nenhum caso positivo. O Brasil apresenta 930 casos suspeitos, segundo o Ministério da Saúde, sendo a maioria nas regiões Sul (188) e Sudeste (567). Um novo boletim epidemiológico será divulgado pelo Ministério às 16h desta terça-feira (10)

Via: UOL