EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Uma equipe de cientistas chineses afirma ter isolado anticorpos “extremamente eficazes” para bloquear a capacidade do novo coronavírus de entrar nas células, o que pode ser útil na prevenção da Covid-19. Zhang Linqi, da Universidade Tsinghua, diz que a descoberta pode ser mais eficaz que as abordagens atuais, incluindo a que utiliza o plasma sanguíneo, já que ele é restrito ao tipo do sangue.

No início de janeiro, pesquisadores começaram a analisar anticorpos retirados de pacientes recuperados da Covid-19, isolando 206 anticorpos monoclonais com forte capacidade de se ligar ao vírus. Depois testaram se podiam realmente impedir a entrada do Sars-Cov-2 nas células. Nos primeiros 20 testados, quatro conseguiram bloquear a entrada, e dois se mostraram “extremamente bons”, segundo Zhang.

publicidade

O próximo passo é identificar os anticorpos mais poderosos e tentar combiná-los para reduzir o risco de nova mutação no coronavírus. Se der certo, os testes em massa podem ser iniciados. Apesar disso, alguns especialistas pedem cautela em relação a esse possível tratamento.

“Há várias etapas que agora precisam ser seguidas antes que possam ser usadas como tratamento para pacientes com coronavírus”, alertou Bem Cowling, especialista em doenças infecciosas da Universidade de Hong Kong. “Mas é realmente emocionante encontrar esses tratamentos em potencial e ter a chance de testá-los. Se conseguimos encontrar mais candidatos, teremos um tratamento melhor”, concluiu.

publicidade

Via: Reuters