O homem ainda sabe pouco em relação ao espaço e à vida. Uma certeza, porém, é a necessidade de água líquida na superfície de um mundo para que ele seja habitável. Normalmente, para que isso aconteça, um planeta precisa ser aquecido por uma estrela.

 

publicidade

No entanto, um novo estudo sugere que esse aquecimento pode acontecer por radioatividade. O que elimina a necessidade de o planeta estar perto de uma estrela para hospedar vida.

 

publicidade

Pesquisadores acreditam que alguns planetas, particularmente os mais próximos do centro da Via Láctea, podem ter isótopos radioativos suficientes para produzir o calor necessário. E esse calor pode aquecê-los o suficiente para permitir a existência de água líquida em suas superfícies.