EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Para realizar o download de arquivos na internet, muitas pessoas acabam recorrendo a tecnologia do Torrent, que apesar de ser muito utilizada para pirataria, não é ilegal por si só. Por sua vez, para fazer um download com tal tecnologia, é necessário utilizar um cliente torrent, que consegue ler as informações e encontrar as “pessoas”, que tenham o arquivo a ser compartilhado.

Um dos programas mais famosos para a tarefa, inclusive mencionado na lista do link mais abaixo é o qBittorrent, que se trata de um projeto gratuito. Entretanto, uma cópia do programa potencialmente maliciosa surgiu em fevereiro na Microsoft Store, a loja oficial de softwares do Windows 10.

publicidade

Além de se tratar de uma versão paga, diferente do projeto original, os desenvolvedores do programa oficial afirmam em sua página, que alguém está se aproveitando de seu projeto sem autorização. Não apenas isso, vale notar, essa versão do programa que está na loja do Windows também tem um tamanho maior do que o software original, o que sugere que o seu código pode ser malicioso, tendo partes modificadas.

Reprodução

Caso você tenha baixado o aplicativo através da loja do Windows, a recomendação é que você faça a sua desinstalação, o que pode ser feito em sua própria página na loja. Após ter realizado o processo, também faça uma varredura com o antivírus em sua máquina. Já para baixar arquivos deste tipo, confira essa lista do Olhar Digital com os melhores clientes Bitorrent.

Via: Betanews

publicidade