Desde a visita do asteroide interestelar Oumuamua à Terra, em 2017, pesquisadores estão cada vez mais interessados em capturar objetos vindos de outros sistemas solares. O desafio é detectar a entrada deles a partir de suas trajetórias incomuns.

Para isso, uma equipe do Departamento de Aeronáutica e Astronáutica do Massachusetts Institute of Technology, o MIT, nos Estados Unidos, propôs a criação de uma rede de satélites ao redor do Sol para perseguir essas rochas espaciais. É o Dynamic Orbital Slingshot.

publicidade

A ideia é usar satélites estáticos como vigias interestelares ao longo das bordas do nosso Sistema Solar. Os equipamentos, então, aguardariam que um objeto cruzasse esse limiar. O projeto foi recentemente selecionado para a Fase 1 no Programa de Conceitos Avançados Inovadores da Nasa. O projeto financia conceitos aeroespaciais inovadores que podem possibilitar e transformar missões futuras.