EnglishPortugueseSpanish

Pequeno satélite descobre exoplaneta a 40 anos-luz da Terra

Redação 4 de junho de 2020
publicidade

O telescópio espacial experimental Asteria demonstrou que na astronomia tamanho não é documento. O pequeno satélite se tornou o menor caçador de planetas da História. Criado por uma parceria entre o Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, e o Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa, ele foi lançado pela Estação Espacial Internacional no fim de 2017 e destruído ao reentrar na atmosfera em abril deste ano.

A missão do Asteria era comprovar que um equipamento pequeno era capaz de fazer o mesmo tipo de detecção que telescópios maiores, como o Hubble. Para isso, os cientistas o apontaram para 55 Cancri A, uma estrela a 40 anos-luz da Terra que tem cinco exoplanetas em sua órbita. Após meses de observação, o Asteria detectou a passagem de 55 Cancri E. Agora, a equipe quer projetar outros satélites pequenos para explorar mais estrelas no universo.

publicidade