EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Nesta sexta-feira (19), a Caixa Econômica Federal irá liberar as consultas do valor e data do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), de até R$ 1.045 por trabalhador, pelo aplicativo FGTS e internet banking do banco. 

Desde segunda-feira (15), as pesquisas estavam disponíveis pelo Disque 111 e site fgts.caixa.gov.br. Além das consultas, site e aplicativo permitirão ao trabalhador optar por não fazer o saque emergencial ou ainda por devolver o valor para a conta do FGTS caso o crédito já tenha ocorrido.

publicidade

Vale ressaltar que, quem escolher não fazer o saque emergencial deve informar a Caixa pelo menos dez dias antes da data de pagamento prevista. O auxílio emergencial começa a ser liberado em 29 de junho e, em todos os casos, será depositado em conta poupança social digital, que será aberta automaticamente para todos os trabalhadores.

Saque em espécie ou transferências

Já o saque em espécie ou transferências, incluindo dos aniversariantes de janeiro, começam a ser liberados depois, a partir de 25 de julho. O dinheiro ficará disponível para o trabalhador até 30 de novembro. Se o saque emergencial não for feito até esta data, o valor retornará para o fundo de garantia automaticamente.

publicidade

Segundo o governo federal, todos os 60,8 milhões de trabalhadores que possuem contas no FGTS poderão ser beneficiados com os saques. Segundo a Caixa, devem ser liberados R$ 37,8 bilhões. Cerca de 30,7 milhões de trabalhadores poderão sacar todo seu recurso no FGTS (50,5% do total).

Confira abaixo o calendário de pagamento:

Reprodução

Foto: Caixa Econômica Federal


Via: G1