A SpaceX destruiu nesta terça-feira mais um protótipo da Starship. Só que desta vez a explosão foi proposital. O objetivo era testar o limite de resistência de um tanque de combustível carregado com nitrogênio pressurizado.

Em outro teste, há cerca de 10 dias, o mesmo tanque teve um vazamento, mas não explodiu. Segundo Elon Musk, a SpaceX está desenvolvendo uma liga de alumínio própria para usar na Starship. Esse material deve ser mais resistente que ligas padrão atuais.

publicidade