O Brasil vai ganhar mais uma estação de navegação por satélite Glonass até o fim do ano. O acordo foi assinado entre uma filial da agência espacial russa Roscosmos, a Universidade Federal do Pará e a Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa, a Fadesp.

A nova estação Glonass será instalada em Belém, no Pará, e se junta às outras quatro estações já em operação no Brasil. O Glonass é um sistema de geolocalização russo criado durante a Guerra Fria como resposta ao GPS. Assim, o Brasil passa a ter um segundo sistema de geolocalização.

publicidade