Hoje é aniversário de um robozinho muito simpático, o rover Curiosity, da Nasa. Irmão mais velho do Perseverance, que neste momento viaja em direção a Marte, o Curiosity completa oito anos de exploração do planeta vermelho.

Sua missão estava programada para durar 1 ano marciano, pouco menos de dois anos terrestres, mas sua longevidade superou as expectativas. Durante sua estadia em Marte, ele perfurou 27 amostras de rochas, coletou seis amostras de solo e percorreu mais de 23 quilômetros.

publicidade

Além disso, o Curiosity detectou nuvens de metano na superfície do planeta. E o robô ainda fez muitas imagens: entre elas, a maior foto panorâmica da paisagem marciana até hoje, a Terra e Vênus nos céus do planeta e uma selfie antes de escalar um monte.

Uma de suas descobertas mais importantes foi o fato de a Gale Crater já ter abrigado um sistema de lagos e riachos no passado. Essa cratera de 154 quilômetros de largura serviu como ponto de pouso do rover em Marte.

Resistente, o Curiosity sobreviveu aos rigores do clima marciano e a várias panes. Sua vida útil é limitada apenas pela durabilidade de sua fonte de energia, um gerador termoelétrico à base de plutônio. A expectativa é que ele continue explorando o planeta até 2026.