EnglishPortugueseSpanish

Canon é vítima de malware e tem dados roubados

Redação 5 de agosto de 2020
publicidade

Depois de ser vítima do ransomware Maze, a Canon teve seus sistemas internos afetados e seu site nos Estados Unidos derrubado momentaneamente. O site Bleeping Computer começou a suspeitar de algo errado em 30 de julho, quando o serviço de compartilhamento de imagens da empresa, o images.canon, saiu do ar.

A operação normal só foi retomada quatro dias depois. Em nota, a empresa afirma que alguns dados armazenados no serviço antes de 16 de junho de 2020 podem ter sido perdidos. Além disso, os thumbnails dos arquivos apagados não foram afetados e não houve vazamento de imagens.

publicidade

Quando o site americano da empresa saiu do ar, passou a mostrar uma mensagem de erro interno do servidor. A causa do problema seria um ataque de ransomware, um malware que sequestra arquivos e solicita pagamento de resgate.

O BleepingComputer diz que fez contato com os operadores do ransomware. Eles afirmam que 10 tera de dados foram copiados da rede da empresa, mas não ofereceram prova disso. A Canon ainda não confirmou o ataque. Para saber mais, acesse nosso portal, www.olhardigital.com.br.