DuckDuckGo: dicas para usar o buscador com foco em privacidade

privacidade na internet tem ganhado cada vez mais importância e espaço nas discussões dentro do universo onde nossos dados são a ‘moeda de troca’. Em meio a tantas opções de mecanismos de busca, o DuckDuckGo (duckduckgo.com) se destaca como uma das melhores opções para quem procura navegar de forma privada e segura, sem que os milhares de rastreadores coletem e armazenem os históricos de pesquisa – prática comum nos sites de busca mais conhecidos, como Google, Bing, Yahoo!.  

Apesar de desconhecido pela maioria dos usuários, o buscador nascido em 2008 reúne também, além das qualidades já citadas para proteger os dados de quem o utiliza, um conjunto de recursos úteis. Listamos abaixo algumas dicas para tirar melhor proveito do DuckDuckGo.

Pesquisar diretamente em um site

Para ser mais eficiente nas buscas, o DuckDuckGo criou a ferramenta ‘bangs’. Com ela, o usuário consegue encontrar de forma mais rápida itens ou páginas específicas. Confira abaixo alguns desses comandos disponíveis:

  • ‘!nf terror’: uma busca por conteúdo de terror na Netflix será feita;
  • ‘!yt sertanejo’: listará todos os vídeos com a palavra-chave sertanejo dentro do YouTube.

Para saber quais ‘bangs’ estão disponíveis, basta digitar uma exclamação no campo de busca.

Use um cronômetro

Além de privacidade, o DuckDuckGo também oferece um cronômetro, que pode ser facilmente acessado diretamente no buscador. Basta buscar por “stopwatch”, e ele estará lá, com direito até mesmo a marcador de voltas.

Encontre alternativas para aplicativos

Se você está procurando uma alternativa para algum app, o DuckDuckGo pode ser a solução usando a pesquisa “alternative to” seguido do nome do aplicativo. Integrado ao portal AlternativeTo, o buscador lista as melhores opções para deixar o Facebook, por exemplo. 

Encurtar ou expandir links

Encurtar links? Não é problema para o DuckDuckGo. Faça uma busca por “shorten” com o link em seguida para reduzir o endereço e deixá-lo pronto para compartilhar nas redes sociais. E caso você tenha recebido um link encurtado e queira ver a versão completa, também é possível, basta usar o comando “expand” seguido do endereço para resolver a situação.

Gerar senhas aleatórias seguras

Além de garantir a privacidade nas suas buscas, o DuckDuckGo também pode ajudar a melhorar a segurança das suas senhas. Digite “password” seguido de qualquer número igual ou maior que oito e você receberá uma sugestão de senha gerada aleatoriamente para você. E se quiser uma combinação mais forte (incluindo caracteres especiais), é só digitar “password strong” e um número igual ou maior que oito.

Formatar em maiúsculas ou minúsculas

Para formatar um texto, deixando todas as letras em maiúsculas ou minúsculas, digite “uppercase” ou “lowercase”, respectivamente, seguido do texto que você quer formatar.

Saber se um site está com problemas

O buscador tem um atalho muito interessante e que ajuda bastante quando você está em dúvida se um site ou serviço está passando por instabilidade ou se é a sua internet que está ruim. Pesquisando “is ___ up” você tem acesso a um diagnóstico diretamente no resultado da sua busca.

Consultar calendários passados ou futuros

Um recurso que pode parecer desnecessário, mas que em algum momento da sua vida vai ser importante é a possibilidade de consultar o calendário de qualquer ano, tanto passados quanto futuros. O detalhe que precisa ser ressaltado é que a busca deve ser feita em inglês. Use a combinação “mês” + “ano” + “calendar” para obter o resultado desejado. Exemplo: “january 1986 calendar”.

Códigos e atalhos para programas e sites

Se um aplicativo ou site tiver uma atalhos de teclado ou códigos de utilização, o DuckDuckGo pode encontrar para você. Quer aprender a navegar mais rapidamente no Facebook? Tente pesquisar “facebook cheat sheet” e descubra todos os atalhos para usar na rede social.

Gerar QR Codes

Os códigos QR estão se popularizando como forma de cartões de visita e forma de autenticação de documentos, e se você quiser usufruir da tecnologia, dá para criar um atalho com eles de forma rápida. Use “qr + URL” para gerar um código que, quando visualizado com a câmera de um smartphone, levará o usuário para o link desejado.

Conferir códigos de cor do sistema hexadecimal

Encontrar aquele tom específico de verde que você estava procurando não vai ser mais uma tarefa complicada se você usar o DuckDuckGo. Basta pesquisar “color codes” para acessar uma tabela com todos os códigos de cores direto no buscador.

Truques para desenvolvedores e coders

  • Codificar URLs

Se você for um internauta observador, já deve ter percebido que alguns caracteres como /, ? e # não podem ser usados em links, pois têm uma função específica para os navegadores. A codificação das URLs serve justamente para “enganar” os browsers e transformar esses caracteres especiais para um formato que eles possam ser lidos até mesmo por navegadores mais antigos. Para usar o truque basta digitar “url encode” seguido do link desejado.

  • Gerar texto de preenchimento (lorem ipsum)

Se você precisar de algum texto de preenchimento no estilo “lorem ipsum” (um recurso utilizado especialmente por webdesigners), o DuckDuckGo pode gerar de uma maneira bem simples e rápida. Digite “X paragraphs of lorem ipsum”, substituindo o X pelo número de parágrafos desejados e pronto.

  • Gerar palavras em Figlet

Figlet são palavras de tamanho formadas por vários caracteres organizados no texto, utilizando um código chamado ASCII (do inglês American Standard Code for Information Interchange). Elas são muito usadas em documentos de texto extensos, especialmente para fazer distinção de parágrafos ou capítulos. Para escrever usando Figlet, basta digitar “figlet _____), inserindo a palavra desejada no lugar da linha.

  • Descobrir códigos em HTML

Para ter acesso a uma lista de caracteres e suas representações em HTML, é só pesquisar “html chars” no DuckDuckGo e pronto.

Fonte: Eraser

Esta post foi modificado pela última vez em 3 de outubro de 2020 13:00

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Da Redação