EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A United Launch Alliance (ULA) abortou o lançamento de um foguete Delta IV Heavy carregando um satélite espião dos EUA três segundos antes da decolagem, na manhã deste sábado (29).

Segundo Tory Bruno, CEO da empresa, uma “condição inesperada” forçou o cancelamento. O foguete “está em boas condições”, porém será necessária uma semana para que possa ser inspecionado e preparado para um novo lançamento.

publicidade

A missão NROL-44 estava originalmente programada para decolar na última quinta (27), mas já havia sido adiada uma vez devido a uma falha em um aquecedor responsável por manter a temperatura de equipamentos na plataforma de lançamento. Antes disso o foguete foi cenário para uma projeção 3D com um vídeo de 7 minutos celebrando as conquistas da ULA.

No vídeo do lançamento (abaixo) é possível ver que os propulsores são desligados faltando três segundos na contagem regressiva (por volta de 1h44m no vídeo). O locutor, no entanto, “se empolga” e continua: “três, dois, um, decolagem!”, diz, enquanto o foguete continua na plataforma.

publicidade

Veja o momento em que o lançamento é abortado à 1h44m no vídeo. Fonte: ULA

Um dia depois a SpaceX completou com sucesso o primeiro lançamento em órbita polar a partir da Flórida em mais de 50 anos. Normalmente estes lançamentos, que exigem que o foguete voe em direção ao sul, são feitos da Califórnia, para evitar o sobrevoo de áreas populosas.

Fonte: The Verge