EnglishPortugueseSpanish

Proprietários do Google Pixel 3 relataram que alguns smartphones apresentaram inchaço da bateria, tanto em seu modelo convencional quanto na versão XL. O problema é visivelmente identificável, uma vez que acaba por estufar a tampa traseira dos telefones.

Nos últimos dias, a queixa quanto ao problema aumentou na internet. O fórum oficial de suporte ao Google Pixel 3 recebeu diversos relatos, inclusive com fotos, da situação. A resposta padrão da empresa sugere a procura de assistência especializada, que se encontra na mesma página.

publicidade

O inchaço da bateria de smartphones é um problema que ocorre devido a um processo de oxidação interna do componente. Esta reação química leva a expansão do volume da bateria, que é visivelmente perceptível pelo usuário.

 

      

Na maior parte dos casos, a oxidação ocorre pelo desgaste natural dos componentes e da vedação do aparelho, que ocorre ao logo do tempo. Caso a construção da bateria falhe em evitar o vazamento do Li-ion, composto interno que realiza a carga, a oxidação ocorrerá.

Este processo danifica e compromete o uso da bateria, o que pode gerar superaquecimento e até a explosão do aparelho.

 

Reprodução

Diversos Google Pixel 3 apresentarem inchaço na bateria. Imagem: Fórum Pixel Phone Help/Divulgação

 

O Google Pixel 4, edição atualizada da linha de smartphones, também apresentou o inchaço na bateria em algumas situações. No caso da versão 3, por se tratar de um telefone mais antigo, é possível que a causa seja o desgaste temporal do aparelho.

Se usuários do Pixel 3 identificarem sintomas de inchaço na bateria do aparelho, devem desligá-lo imediatamente para evitar seu superaquecimento. O Google, no fórum oficial do produto, recomenda o contato com o suporte especializado, que costuma ser rápido no envio de outro aparelho para o usuário.

Fonte: Android Central