O Google anunciou uma novidade que promete ajudar bastante aqueles que procuram produtos no seu site. A empresa está lançando uma nova maneira de encontrar ofertas com base na localização do usuário. Com uma interação entre o Maps e o Shopping, agora é possível encontrar itens em lojas próximas, não apenas as lojas em si.

Para usar o recurso é bastante simples. Basta ir até a guia Shopping e selecionar o filtro “próximo”. Além disso é possível simplesmente adicionar os termos “próximo” e “perto de mim” após o nome do produto desejado. Isso irá automaticamente levar para cima um mapa com as lojas mais próximas nas quais encontrar o item desejado.

publicidade

ReproduçãoNovidade mostra produtos perto do usuário. Foto: Reprodução

A novidade ajuda principalmente aqueles que precisam de alguma coisa com urgência e não podem, ou não querem, esperar alguns dias para a entrega. Durante esse momento de pandemia, a ferramenta ainda possui informações importantes no contexto. É possível ver quais lojas oferecem a possibilidade de receber o produto no esquema “drive-thru”, quando não é preciso entrar na loja, e delivery.

ReproduçãoFerramenta ainda mostra quando é possível pedir delivery ou pegar no sistema “drive-thru”. Foto: Reprodução

O Google não especificou em quais países o recurso vai estar disponível. Apesar disso, pelos testes do Olhar Digital, já é possível usá-lo no Brasil. Como acontece em atualizações, é possível que não esteja disponível para todos. Se isso acontecer com você, espera alguns dias e tente novamente.

Google Drive passa a remover arquivos da lixeira automaticamente

Essa, porém, não é a única novidade da empresa. Atualmente, ao excluir um item indesejado do Google Drive, ele fica armazenado permanentemente na lixeira, a menos, é claro, que o usuário o delete manualmente. Isso faz com que, mesmo excluído, ele ocupe parte da capacidade do site. Mas isso está prestes a mudar. O Google anunciou que, a partir de outubro, isso será feito de forma automática.

A mudança vai começar a ser colocada em prática em 13 de outubro. Com isso, o Drive vai apagar sozinho os arquivos que fiquem até a 30 dias na lixeira. Vale destacar que, para os documentos que já estão nesta pasta, os dias começarão a ser contado a partir da chegada da novidade. A empresa ainda destaca que pode levar até 15 dias para que a ferramenta chegue a todos os seus usuários.

Via: The Next Web