EnglishPortugueseSpanish

Robô vence atletas usando deep learning

Redação 24/09/2020 22h01, atualizada em 24/09/2020 23h12

Um robô venceu três de quatro partidas disputadas contra atletas de nível mundial. Apelidado carinhosamente de “Curly”, ele pratica curling e, para vencer os profissionais, usou deep learning, uma das facetas da inteligência artificial.

O projeto é conduzido por pesquisadores da Coreia do Sul e da Alemanha. Os especialistas usam o “deep reinforced learning”: com ele, Curly aprende novos movimentos ao mesmo tempo em que corrige processos errados.

publicidade

Assim, cada jogada errada é acertada no próximo movimento, de forma a minimizar as falhas. O robô derrotou equipes de alta posição em rankings internacionais, como uma equipe profissional feminina e o grupo reserva de atletas paraolímpicos da seleção coreana.