EnglishPortugueseSpanish

‘Covid-19 é quase inexistente em nossos voos’, diz United Airlines

Redação 20 de outubro de 2020
publicidade

A United Airlines publicou em sua conta oficial no Twitter que um estudo garante que a transmissão de covid-19 é quase inexistente em seus voos. O objetivo do anúncio é oferecer segurança aos clientes da companhia aérea na reabertura de voos comerciais.

O levantamento teve apoio do Departamento de Defesa dos Estados Unidos. De acordo com a United Airlines, a baixa transmissão pode ser mantida com o uso de máscaras de proteção facial mesmo em voos longos. O grupo aponta a chance de 0,003% de partículas de ar infectadas cruzarem a zona de respiração.

publicidade

Os estudos têm como base as interações de dois corpos durante uma viagem, com voos completos e todos os assentos ocupados. A companhia diz que voos com capacidade total não devem ser temidos, pois a máscara é suficiente para conter a transmissão. Segundo o relatório, um passageiro saudável só seria infectado por outro contaminado se eles viajassem lado a lado por pelo menos 54 horas.