A Xiaomi pode estar se preparando para lançar, em 2021, seu primeiro celular com tela dobrável no mercado. Membros do fórum e do site XDA Developers encontraram no código da MIUI 12 indícios e referências sobre o novo dispositivo, que tem o codinome ‘Cetus’.

No código do sistema, analisado pelo site em um Mi 10 Pro, são encontradas referências com valor verdadeiro para ‘isFlodAbleDevice’ (com o erro gramatical em ‘foldable’). Em outros códigos, existem menções à dobra da tela, tais como o monitoramento e identificação de alterações sobre o seu estado.

publicidade

Também foi possível identificar que o ‘Cetus’ chegará para o mercado com Android 11 baseado na MIUI, interface proprietária da Xiaomi. Também é mencionado um chipset Qualcomm Snapdragon, embora o modelo não tenha sido revelado. Presumivelmente, se o celular atingir o mercado premium, ele utilizará algum modelo da Série 8xx.

Outra especificação encontrada nos códigos da MIUI 12 citam que o celular dobrável da Xiaomi deve contar com câmera principal de 108 MP, assim como o Mi 10T.

Apesar do vazamento, este não seria o primeiro celular dobrável da Xiaomi, mas sim o primeiro a ser lançado comercialmente. Em vídeos vazados em janeiro e março de 2019, o suposto ‘Mi Fold’ (nome não oficial) pode ser visto funcionamento em, aparentemente, dois protótipos. A autenticidade dos vídeos não pode ser garantida, porém.

Protótipo avançado

Em 2019, a Xiaomi apresentou ao mundo um celular que parece ter vindo direto de vídeos renderizados. O Mi Mix Alpha foi apresentado como um dispositivo quase que inteiramente composto pela tela, incluindo também a parte traseira. O celular trazia chipset Snapdragon 855+, 12 GB de RAM, 512 GB de armazenamento e câmera de 108 MP.

Reprodução

De acordo com a Xiaomi, foram gastos cerca de US$ 70 milhões no projeto do Mi Mix Alpha. Imagem: Xiaomi/Reprodução

Por outro lado, o Mi Mix Alpha foi adiado indefinidamente pela fabricante no início de 2020. Posteriormente, ele foi cancelado por causa da cara fabricação. O dispositivo futurista, com apenas uma “faixa” em um dos lados para a câmera e outros sensores, era esperado para chegar no mercado até dezembro do ano passado.

Nesse período, concorrentes como Huawei lançaram os celulares dobráveis Mate X e Mate Xs. Já a Samsung lançou em 2020 o Galaxy Z Fold 2 e o Galaxy Z Flip com propostas para públicos mais variados.

Fonte: XDA Developers